Fisiocorpore

Saúde em primeiro lugar! Com 16 anos de mercado, a Fisiocorpore atua com os fundamentos da Fisioterapia em prol da saúde, da reabilitação funcional e do bem-estar das pessoas.

Fisioterapia Uroginecológica

Hand on belly isolated on white background

Divulgação/Internet

 

A fisioterapia uroginecológica  “feminina”, também conhecida como reabilitação do assoalho pélvico, atua no tratamento das disfunções urogenitais, contribuindo para o bem-estar físico e social de mulheres.

Situações como incontinência urinária, urgência miccional, intestino preso, disfunções sexuais, vaginismo, dores pélvicas, prolapsos genitais (popularmente conhecidas como “queda de bexiga”), constituem as principais  situações nas quais é possível a aplicação da fisioterapia uroginecológica.

Podem ser submetidos ao tratamento mulheres que apresentam incontinência urinária, disfunções sexuais, dores pélvicas e pacientes com déficit neurológico que comprometa a função genitourinária.

No tratamento são utilizados diversos recursos como a cinesioterapia (exercícios de Kegel), exercícios proprioceptivos, calendário miccional (treino da bexiga), orientações gerais prescritas após minuciosa avaliação e reavaliação constante.

Nessa área, a fisioterapia pode diminuir as disfunções da estática lombo pélvica, facilitando a função uroesfincteriana e promovendo até a correção de outras disfunções.

Esta especialidade também pode ser utilizada em pacientes gestantes, preparando o corpo para o parto e contribuindo para uma boa recuperação após o nascimento do bebê.

O fortalecimento do períneo e dos músculos que sustentam os órgãos pélvicos deixa a região genital mais irrigada e favorece a resistência do assoalho pélvico, tratando e prevenindo a incontinência urinária. Além disso, pode facilitar a lubrificação da vagina. Nessa especialidade é trabalhado o fortalecimento do assoalho pélvico. O método consiste em trabalhar o conjunto de músculos que sustenta os órgãos pélvicos, como o útero, a bexiga e o intestino reto.

Fontes: http://urobrasilia.com.br/ e http://fisioterapiamanual.com.br/